Novidades

Diminua seus gastos com energia

04. January 2018

Diminua seus gastos com energia

Lubrificantes especiais são a resposta

Essa matéria é composta por duas partes. Você está lendo a parte um. 

A discussão sobre como obter maior eficiência energética ganha cada vez mais espaço nas indústrias, principalmente, no setor de grãos e óleos. O consumo de energia tem alto custo e impacta a lucratividade das empresas, sem mencionar os problemas ambientais que podem ser causados caso esse consumo de lubrificante seja extremamente elevado. Em razão disto, as companhias têm discutido alternativas e iniciativas de implantação de projetos de energia econômica, promovendo a redução do consumo.

Por isso, ao discutir a questão da redução do consumo energético é preciso ampliar o escopo do debate, padronizando-se o uso de normas internacionais. A utilização de metodologias certificadas - que registram a economia de energia dos tipos de lubrificantes e confirmam a eficiência que eles geram - torna-se cada vez mais essencial para a garantia de uma matriz de eficiência energética. E uma das soluções comprovadas depois de anos de muita análise foi a aplicação dos óleos lubrificantes especiais, que oferecem para as empresas redução do consumo de energia, da emissão de CO² e dos custos operacionais.

Estudos internacionais comprovam que é possível registrar a redução média de 4% no consumo de energia elétrica com a simples substituição dos tipos de lubrificantes convencionais pelos especiais de alto desempenho. Pode parecer simples, mas o número acima representa uma enorme conquista para as indústrias que atualmente consomem um total de 3,5 milhões de GWH ao ano e têm potencial para economizar 800 mil GWH, o equivalente a € 4 bilhões anualmente (cerca de R$ 12 bilhões).

O uso da lubrificação industrial especial de alto desempenho no lugar do lubrificante simples é uma solução mais eficaz que a substituição dos equipamentos motrizes, como, por exemplo, motores elétricos, redutores, bombas e compressores. De acordo com dados da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), os equipamentos são responsáveis pelo consumo médio de 60% da energia elétrica na atividade industrial.

Para os gestores de companhias que atuam em setores de alto consumo de energia e venda de commodities, uma redução de apenas 5% no consumo de energia elétrica pode representar maior vantagem competitiva, além de viabilizar investimentos que trazem benefícios não apenas para a companhia, mas também para o planeta.

Fale conosco

Entraremos em contato em breve

Agradecemos sua participação. Entraremos em contato assim que possível.

Ocorreu um erro no processamento. Por favor, tente novamente mais tarde.