Novidades

Principais aliados da Eficiência Energética

11. January 2018

Principais aliados da Eficiência Energética

Fatores que contribuem com a economia de energia

Essa matéria é composta por duas partes. Você está lendo a parte dois, para ler a parte um clique aqui.

Entre os fatores apontados por especialistas que contribuem para a economia energética, destacam-se:

  • O índice de viscosidade – que mantém a presença do filme lubrificante, evitando o contato metal-metal, provocando menos desgaste;
  • O coeficiente de atrito do óleo sintético ser menor que do óleo mineral. Este indicador pode ser comprovado no gráfico abaixo:

 

Além da aditivação diferenciada, que somada aos itens anteriores, asseguram o desempenho em longo prazo, o emprego de lubrificantes especiais gera inúmeros benefícios aos equipamentos das indústrias de grãos e, consequentemente, a confiabilidade, pois:

  • Aumentam a eficiência mecânica dos equipamentos como compressores e redutores, reduzindo o consumo de energia;
  • Redução da temperatura de trabalho;
  • O uso de lubrificantes atóxicos aumenta a confiabilidade em locais onde há risco de contato com alimento, reduzindo a possibilidade de não conformidades em auditorias;
  • Ganhos em produtividade, pois é reduzida a necessidade de paradas para troca de lubrificantes;
  • Lubrificantes especiais (como os produzidos pela Klüber Lubrication) podem reduzir desgastes, quebra e o risco de paradas não programadas de equipamentos críticos;
  • Redução do custo de mão-de-obra, e do consumo de lubrificantes;
  • Redução do custo com descarte de lubrificante, assim como o risco ao meio ambiente;
  •  Redução do risco da exposição dos colaboradores às condições insalubres e;
  • Aumento do intervalo de troca.

O gráfico abaixo comprova o último ponto acima, de como a utilização de lubrificantes de alto desempenho pode fazer com que a troca necessária nos equipamentos seja realizada apenas a cada 30 mil horas, aumentando a produtividade na operação e trazendo benefícios, inclusive, financeiros para a indústria de grãos e de óleos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em um mercado altamente competitivo, em que empresas e gestores buscam, cada vez mais, alcançar maiores níveis de eficiência operacional, a adoção de uma medida aparentemente simples, representa alto valor agregado em curto e médio prazos, deve ser, sem dúvida, observada com atenção.

 

(*) Diego Bratkoski é Engenheiro Químico e Consultor de Mercado de Alimentos na Klüber Lubrication do Brasil.

Fale conosco

Entraremos em contato em breve

Agradecemos sua participação. Entraremos em contato assim que possível.

Ocorreu um erro no processamento. Por favor, tente novamente mais tarde.